CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »

sábado, dezembro 04, 2010

Me adaptando - parte II (compras de grávida)


Eu escrevi há dois posts atrás que a barriga resolveu aparecer. Assim, feito neve na Irlanda, mais cedo do que o esperado (ou pelo menos do que eu acho que seria o esperado).

E do mesmo jeito que tive que me adaptar à neve, estou tendo que me adaptar à barriga. Dormir com ela pra baixo, como sempre fiz, nem pensar. Com ela pra cima, também, não. Você faz as contas, e vai saber como estou dormindo.

Crescendo desse jeito, haja Bio Oil para evitar estrias. Agora, além de usar pela manhã, estou passando uma camada extra antes de ir pra cama.

Mas esse era o menor dos problemas. Até então, eu ainda cabia nas minhas roupas (uma peça ou outra maiorzinha é verdade). Essa semana, bom essa semana eu já não tinha um par de calças.

Na última terça-feira enfrentei o tempo ruim e lá fui eu à Marks & Spencer (aproveitando o gift card que tinha ganhado da sogra no último aniversário) em busca de maternity trousers. Saí de lá com dois pares (iguais esses aí de baixo) extremamente confortáveis e não quero saber de usar outra coisa. Vamos só ver até quando vão durar, ou melhor, até quando eu vou caber neles.


Mas antes das minhas calças todas perderem o uso, foram meus sutiãs que foram pro brejo. Na Mother Care, a vendedora atenciosa me atendeu com fita métrica em mãos e me ajudou a encontrar um no meu novo número (que foi de 36D para 38E). Um. Isso mesmo, a loja só tinha em todo o estoque, um único sutiã no meu número. Ou seja, assim que eu tiver ânimo de sair às compras, e o tempo ajudar, sutiã continua na lista.

E como com gravidade não se brinca, comprei alguns também para usar dormindo. Se silicone cai ou não, eu quero continuar sem saber.

Basicamente era só isso que eu precisa. O que eu não precisava, mas obviamente não resisti foi esse aparelhinho aí de baixo, que permite (em teoria) ouvir os batimentos cardíacos do babóg. Já estava de olho nele há tempos.



A vendedora, esperta além de atenciosa, me disse que era possível usá-lo a partir da semana 20. Comprei, e só depois li na embalagem que na verdade é aconselhado a partir da semana 28. Tudo bem, eu ia comprar de qualquer jeito.

Até agora quem estava certa era a embalagem mesmo. Acoplado à minha barriga, ainda não consegui ouvir nada além de uns ruídos não identificados.

Compras agora, só as de Natal mesmo. E só quando a geleira lá fora derreter por completo. Só hoje foram dois tombos na tentativa de chegar ao mercado da esquina. Me machuquei pouco, mas quase morri de susto em compensação. Resultado, agora só saio de carro, ou se for absolutamente necessário.

N.

4 comentários:

K∂riиє* Smith. disse...

como assim compras só a de Natal?
E a do amigo oculto?
Ficarei sem presente? :0

Nivea Sorensen disse...

Karine, flor. Seu presente de amigo secreto (pq eu sou paulista) já foi comprado com antecedência (nem eu to reconhecendo minha eficiência).
Vejo-te amanhã.
Beijocas,
N.

cintia disse...

Menina, eu tambem comprei o negocinho que da pra ouvir os batimentos. Mas fiquei super chateada pois nao consegui ouvir nada. Entao comprei o tal AngelSounds Fetal Heart Detector (Doppler) que muita gente me falou que eh o melhor e ouvi sim, desde a semana 17, eu acho. Boa sorte! Nao tem nada melhor!

Nivea Sorensen disse...

Cintia,
Devia ter perguntado pra vc antes de comprar, né?
bjos