CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »

terça-feira, setembro 21, 2010

A minha Happy Hour



Quando ainda estava no Brasil, a hora mais feliz da minha semana era no sábado, 6 da tarde. Não só por ser o final de uma longa semana de trabalho na Cultura Inglesa e o início do meu fim-de-semana (que na verdade não passava muito de um mísero domingo), mas por ser o meu horário de psicoterapia.

Ao me mudar para cá, a princípio em caráter temporário, não achei que sentiria falta do tratamento, e de fato, nos primeiros meses não senti . Mas com o tempo passando, e os planos de voltar cada vez mais distantes,  fui sentindo cada vez mais a necessidade de retomar as sessões.

Infelizmente, alguns serviços aqui na ilha custam muito mais do que no Brasil, e dificilmente poderia arcar com os custos de consultas semanais por aqui. Tudo bem, you can’t have your cake and eat it

Há algumas semanas atrás, fui a Embaixada brasileira buscar meu titulo de eleitor e acabei encontrando alguns cartões de visita deixados pelo que parecia ser uma terapeuta brasileira oferecendo seus serviços (ela na verdade é Uruguaia,mas estudou no Brasil). Mandei um e-mail e descobri que ela cobrava somente €35 por consulta. Melhor ainda, me ofereceu a primeira grátis. E para melhorar ainda mais, me deu um desconto caso optasse por sessões semanais.
Quando agendei a consulta, ainda não sabia que estava grávida, e sentia um certo medo de entrar em depressão de novo, por conta das alterações de humor que eu nao conseguia explicar, e que só agora fazem sentido.  Mas até então, procurava mesmo por uma forma de lidar com minha ansiedade e estresse.

Com a confirmação da gravidez, o que seria só um luxo virou necessidade.

Já tive depressão duas vezes. As duas causadas pelo fato de ter nas mãos mais do que podia carregar, e de não saber muito bem o que fazer quando as coisas saem do meu controle. Algo me diz que isso se parece muito com o que vai acontecer em breve, com a chegada de um bebê,  e tudo o que eu não quero e passar por aquilo tudo de novo. Convenhamos, não e hora.

A terapia não vai impedir que isso aconteça, mas pode, definitivamente, ser mais um suporte.

A quarta-feira, passa a ser agora meu dia preferido, depois claro, da sextas.

Comecei na semana passada, e mal posso esperar pela proxima sessão, amanhã.

E feliz 9 semanas e 6 dias pra mim.

N.

5 comentários:

Antonio Proenca disse...

opa, feliz gravidez e sem essa de depre-pos-parto, ta fora de moda :-)

Mr. Lemos disse...

Boa sorte nas sessões, mamãe. Se precisar de um terapeuta de bar, gratuito, pode me chamar. Atendo todos os dias da semana, sempre num pub perto de vc!

Cath disse...

Oii, Nivea. Feliz gravidez, feliz quarta feira, pq para entender todas as mudancas de morar aki e agora mais com o baby vindo, terapia eh bom demais. Eu consegui um jeito de fazer terapia vocacional, isso eh gratuito aki, e aproveito e solto o psicologico tb hahah. Eu sou quase libriana, meu aniversario eh hoje e me sinto bem melhor do que no ano passado, eu as vezes, sinto que trabalhar aki eh bem complicado, entao ainda estou pensando bem o que quero fazer, pq minha experiencia nao foi mtu legal. bjussss e felicidades

sandra disse...

Olá Nivea,
No post anterior comentei que gostava dos seus relatos por que me identifico muito com eles. Posso imaginar o que vc está passando, já sofri muito com a depressão, hoje sofro menos, também utilizo as quartas, 28 será minha próxima sessão com a minha psicóloga. Tente ficar tranquila, relaxe com seus queridos livros e tudo ficará bem. Boa sorte.
E feliz 9 semanas e 6 dias pra VC!!!
Saudações desde SSA-Ba.
Sandra.

Ann Mary disse...

Oieee..
Depressão?? NUNCA MAIS. Você tem uma familia linda e não vai cair nessa não!!
Nunca fui em uma sessão assim mas deve ser muito bommmm sim, boa sorte com as sessões!!
Amiga...obrigada pelo apoio...muito importante pra mim viu!!
Parabéns pela 9 semanas...a essas horas na Irlanda já são 10 semanas...
Vai ser tão fofo..ou fofa...rss.
bjs