CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »

quarta-feira, junho 16, 2010

O meu Q.I.

Três meses procurando emprego em Dublin. Inglês fluente. Experiência. Stamp 4 (ou seja, visto de trabalho em tempo integral). Centenas de CV's enviados. Aconselhamento com o FAS. Horas e horas, e horas navegando em sites de empregos. Resultado nenhum. 

Até o dia em que eu decidi mandar um email para L., da agência Friends In The World, com quem eu fechei o pacote para vir estudar aqui no ano passado e que tantas vezes marcou e remarcou minha passagem de volta para o Brasil, sempre com a maior boa vontade. 

Naquela semana eu havia pensado que seria uma boa arrumar trabalho como secretária ou recepcionista numa escola de inglês já que eles sempre precisam de alguém capaz de falar português e inglês  para manter contato com alunos e agências no Brasil. Achei inclusive que seria o tipo de trabalho que eu gostaria de fazer. E perfeito até que eu tire uma certificação que me qualifique para dar aulas aqui (se é que é isso mesmo que eu quero fazer). 

Daí além de distrubuir CV's pessoalmente na maioria das escolas, achei que não custaria nada entrar em contato com L. explicando minha situação e perguntando se ela tinha contatos para me indicar. 

Recebi uma resposta no mesmo dia, me dizendo que meus dados haviam sido enviados para a Grafton College, e me desejando sorte. Fiquei muito surpresa de novo, com a prontidão e boa vontade dela. 

Quando voltei de Cork na quarta-feira da semana passada percebi que tinha recebido um e-mail da Grafton marcando uma entrevista, pois uma vaga estaria em aberto a partir do final desse mês, e por coincidência L. havia me indicado. 

Depois da entrevista naquela sexta-feira recebi um telefonema me convidando para um treinamento que começou ontem e deve durar até a semana que vem quando duas funcionárias vão embora. 

Por enquanto estou indo lá por algumas horas para me familiarizar com a rotina. Ainda não sei se ficarei com a vaga em definitivo, se será meio período ou integral, nem se ficarei responsável pelo mercado brasileiro ou pelo brasileiro e internacional. Mas até agora, tudo me parece muito bom. 

O que eu sei mesmo é que sem Q.I. aqui a coisa fica difícil.

E um mega obrigada à L.

N.

12 comentários:

Manu Martins disse...

Caramba, que sorte que vc deu!
QI é tudo mesmo, vou chegar na irlanda falando com tudo e todos pelo jeito hahahaha

Espero que de tudo certo no emprego e que vc goste! :)

Bjs

Ana Flavia disse...

Que legal! Sucesso pra voce.

bjos

Wagner, DUBLIN disse...

Good Lucky!!!!!

Blog da Pandinha disse...

Fala sério Nívea... QI é QI em qualquer parte do mundo! Boa sorte agora!

Ildefonso disse...

QI (aquele outro significado) nunca foi problema pra você, e com este QI que te faltava aí, ninguém segura!!!! :)

Boa sorte!

PS. Responde meu email!!!! :/

Mr. Lemos disse...

Maravilha!! Muita sorte, querida!!! bjo

Cath disse...

Oii, Nivea, nossa fiquei muito feliz por vc, é isso aí!!! Felicidades!! Procura o VEC aí em Dublin, eles oferecem vários cursos part time de further education que são bem legais para o seu cv e são gratuitos. E olha se você quiser voltar para a faculdade ou começar uma pós você pode estudar, continuar trabalhando e receber um grant. Best of luck :)

Antonio Proenca disse...

Parabéns, sei exatamente o que é ficar no ócio por falta de opção, até aula particular de portugues eu dei.

K∂riиє* Smith. disse...

Que tudo dê certo e que o emprego seja sempre tão atrativo e satisfatório como você o acha agora !
Good Lucky girl!

cesarbardo disse...

Boa sorte nessa nova empreitada! =D Certificação pra dar aula serve ICELT? Eu acho que vou me enfiar nesse mato verde da Irlanda qualquer dia desses! haehaehea =D

F.Pamplona disse...

Boa sorte no novo trabalho! Tô na torcida para que dê tudo certo.

Valeu!

Ann Mary disse...

Muito Legal!! Fico feliz por vc e desejo de coração que de tudo certo, e que vc se firme ai! Força e Fé em Deus sempre!!!Beijos